Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
AGENDA   (20-09-2017)
HOME  (13-09-2017)
MESA DE CURA PLEIADIANA  (04-09-2017)
ATENDIMENTOS   (04-09-2017)
FLORAIS DE BACH   (04-07-2017)
VENTOSATERAPIA  (04-07-2017)
MOXABUSTÃO  (04-07-2017)
ESCALDA-PÉS  (04-07-2017)
QUER AJUDA?
O que mais incomoda você hoje?
Não consigo melhorar
Problemas financeiros
Vida afetiva
Vida profissional
Minha mãe
Meu pai
Minha saude
Minha religião
Ver Resultados

Rating: 2.9/5 (2084 votos)



ONLINE
1




Partilhe este Site...

PagSeguro


REFLEXOLOGIA
REFLEXOLOGIA

 

Reflexoterapia é a utilização terapêutica da reflexologia. É uma técnica de tratamento por meio de estímulos em uma área reflexa. Reflexologia é o estudo das delimitações destas áreas, assim como as suas funções e ações diante das patologias humanas. É um dos recursos da medicina natural, holística, ou medicina complementar, anteriormente conhecida como medicina alternativa, e também considerada por setores hegemônicos do atual paradigma científico da prática médica como pseudociência.

Observe-se que a utilização do termo reflexo possui vários significados e diferentes usos na história da medicina, além da clássica e conhecida reflexologia pavloviana ou de origemrussa. Identifica-se nas concepções de René Descartes (1596-1650) da fisiologia dos movimentos musculares, uma das mais antigas utilizações deste termo. 1 É comum também, especialmente nos textos de medicina alternativa, a atribuição ao médico americano William Fitzgerald (1872 – 1942) que teria iniciado a reflexologia a partir de suas observações no Hospital St. Francis de Connecticut (Estados Unidos) onde ocupou o cargo de chefe do departamento de de otorrinolaringologia. O Dr. Fitzgerald juntamente com Edwin F. Bowers são autores do livro "Zone therapy; or, Relieving pain at home", (publicado em 1917 por I. W. Long, Publisher, disponível na California Digital Library) que como o nome indica destacava o efeito analgésico de estimulações em determinadas áreas (zonas) do corpo.

 

O pé é um micro-sistema que representa o corpo todo? 
Os reflexologistas dizem que isto é  verdade e que a pressão em diversos "pontos reflexos" ao longo do pé aliviam sintomas em qualquer outra parte do corpo.

Embora eles não prometam a cura da causa fundamental, eles acreditam que sua técnica pode aliviar uma grande variedade de problemas relacionados ao estresse assim como dores de cabeça (tanto causadas por tensão ou enxaquecas), síndromes pré-menstruais, asma, desordem digestivas, condições da pele tais como acne e eczema, dores crônicas de origem ciática e artrites. A reflexologia  é também algumas vezes usada para sintomas neurológicos como os vistos em esclerose múltipla.

Embora um número de pequenos estudos e pesquisas parecem realmente demonstrar que a reflexologia pode ajudar em problemas tais como dores de cabeça e contenção urinária, não existe maiores acompanhamentos clínicos para verificar sua base teórica. É recomendado, mesmo pelos seus defensores, apenas como uma terapia conjunta às terapias convencionais e não como substituta.

que esperar do tratamento?

É bem provável que você veja no consultório do seu reflexologista um mapa mostrando as partes do corpo que correspondem a várias zonas do pé. A reflexologia ensina que os polegares correspondem a cabeça e ao pescoço a parte carnuda do pé corresponde ao peito e pulmões, o arco correponde aos orgãos internos, o calcanhar ao nervo ciático e área pélvica e o osso ao longo da curvatura do pé corresponde a espinha.
O lado direito do corpo é tem pontos reflexos no pé direito e o lado esquerdo do corpo tem pontos reflexos no pé esquerdo.

A idéia de que manipular os pés pode melhorar a saúde não é tão nova assim. Pictografia antigas mostram Egípcios massageando seus pés enquanto textos antigos e ilustrações mostram chineses, japoneses e indianos todos trabalhando em seus pés para combater doenças. No entanto, os diagramas que conhecemos hoje, associando várias partes do pé a específicas partes do corpo tiveram início por volta de 1900 quando Dr. William H. Fitzgerald desenvolveu um sistema chamado "terapia de zona". Em 1930, Eunice Ingham, uma enfermeira e fisioterapeuta que usava a "terapia de zona", refinou  este sistema identificando áreas especialmente sensíveis que ela chamou de "pontos reflexos" e foi criando um mapa do corpo representado nos pés.

A terapia de zona era usada originalmente apenas para dor,  mas Ingham descobriu que alternando a pressão em diversos pontos poderia atingir outros efeito terapêuticos.
Em 1938 ela publicou um livro descrevendo suas teorias. O sobrinho de Ingham, Dwight Byers, continuou seu trabalho e agora é considerado uma autoridade de liderança neste campo.

Em seus anos iniciais a reflexologia foi ensinada de forma muito parecida à forma tradicional de acupuntura chinesa. Os praticantes tinham com eles que a força da vida ou energia vital fluia através de canais partir dos pés para todos os órgãos do corpo e que qualquer bloqueio neste fluxo iria no final acarretar em uma disfunção ou doença. A estimulação dos pontos reflexos no pé poderia, eles acreditavam, quebrar este bloqueio do fluxo ao longo dos canais.

Nos dias de hoje, muitos reflexologistas sugerem outras explicações para os efeitos da terapia. Alguns dizem que a manipulação dos pés reduz a quantidade de ácido láctico nos tecidos ao mesmo tempo que liberam pequenos cristais de cálcio acumulados nas terminações nervosas dos pés, com isto faríamos com que o fluxo de energia dos órgãos se restabelecesse.
Outros especulam que a pressão nos pontos reflexos pode desencadear a liberação de endorfina, substância química gerada naturalmente pelo cérebro que bloqueia a dor.  Outros praticantes relacionam os benefícios da terapia a resposta de relaxamento que abre os vasos sangüíneos e melhoram a circulação. Outros creditam os efeitos da terapia a um efeito desintoxicante, sugerindo que a manipulação dissolve os cristais de ácido úrico que estão depositados nos pés.

Mesmo que nenhuma destas explicações  - desde a liberação da energia vital até a liberação de endorfina - tenham sido cientificamente verificadas, a reflexologia parece produzir resultados satisfatórios para um número surpreendente de pessoas. É consenso de que temos mais de 25.000 praticantes da reflexologia no mundo todo.

VENHA CONHECER OS BENEFICIOS DESTA TERAPIA

AGENDE AGORA A SUA CONSULTA

 

Espaço Terapêutico Portal Vialuz

 

 

 

61 3551-2003
61 8189-8843 (tim) watsapp
Atendimentos:
segunda a sexta das 9h as 21h 
sábado das 9h as 13h

 

topo